terça-feira, 13 de março de 2012

É dada a largada para o semestre 2012.1



É dada a largada para mais um semestre de produções intensas!
Este blog tem a pretensão de funcionar como um núcleo de informações e comunicação entre todos. Ele também serve de registro histórico e referência para próximas turmas
Sejam bem vindos novos integrantes desse processo, espero que estejam todos dispostos, pois foi isso que decidiram fazer de suas vidas e estou aqui para contribuir!

Um comentário:

  1. A origem da Intervenção Urbana está remotamente localizada nas relações entre o Futurismo, o Dadaísmo, o Surrealismo e a Bauhaus como movimentos que deslocaram seus preceitos artísticos de lugares comuns e questionaram de forma incisiva os papéis atribuídos à arte, ao artista e ao público. Jorge Glusberg em A Arte da Performance, analisa os pontos de contato destes movimentos com as artes performáticas: “(...) o que se buscava era uma vasta abertura entre as formas de expressão artística, diminuindo de um lado a distância entre vida e arte e, por outro lado, que os artistas se convertessem em mediadores de um processo social (ou estético-social)1”. Surge daí a filiação de práticas como o happenning, a performance e a live art que se relacionam intimamente com a Intervenção Urbana como propostas atuantes em um território de fronteira, onde está em movimento a questão artística como necessidade vital: a apreensão da arte como uma aventura ontológica.

    ResponderExcluir